Reabsorção Óssea Grave

A Reabsorção Óssea começa ocorrer desde as primeiras formações de Placa Bacteriana, na placa (tártaro ou cálculo) há uma grande variedade de tipos de Bactérias, que além delas, via vasos sanguíneos (pequenos sangramentos, gengivite) migrarem para outros órgãos e se instalarem neles (Bacteremia), ocorre ainda uma Reação Imunológica que vai levar a essa Reabsorção Óssea de Maxila e Mandíbula, ocorrendo assim uma lise alveolar (local onde a raiz dentária se "aloja"), deixando as raízes dentárias expostas, que isso pode ser viisualizado ao Rx, ou, nos casos graves, a olho nu.

Esse caso é a Tutty, poodle de 12 anos, que fez um "limpeza de tártaro", há 3 meses, e, pela grande área de reabsoção óssea ao redor das raízes (observadas ao Rx), com certeza, essas raízes (dos 4º pré-molar e 1º molar inferiores direitos) ficaram expostas, podendo ser vistar a olho nu;

Já na foto do 4º pré-molar superior direito, pode-se notar uma fístula na gengiva, acima do dente, indicando um Abcesso local que no Rx mostrou uma grande área de reabsorção óssea nas raízes dos 4º pré-molar e 2º molar superiores direitos.

 

Fonte: Dent Vet
Data de cadastro: 30/06/2016, 15:12hrs.
Data de alteração: 30/06/2016, 15:37hrs.
© 2012 - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por
Criatti - Negócios, Design e Tecnologia